AUMENTANDO A VIDA DA TRANSMISSÃO E REDUZINDO O CALOR

As transmissões automáticas atuais, geram muito calor enquanto você dirige. Esse calor é um subproduto normal da operação de transmissão. O calor também é uma das causas mais comuns de falha na transmissão automática.



As transmissões automáticas atuais, geram muito calor enquanto você dirige. Esse calor é um subproduto normal da operação de transmissão. O calor também é uma das causas mais comuns de falha na transmissão automática.
É por isso que os engenheiros automotivos se esforçam tanto para reduzir ou eliminar o atrito interno.
Aqui estão algumas coisas que você pode fazer para ajudar a reduzir o calor e aumentar a duração da sua transmissão:
1 - Evite acelerações bruscas - Acelerações bruscas criam muito atrito e consequentemente o calor na transmissão.
2 - Seja suave no pedal do acelerador; você economizará combustível e sua transmissão terá uma maior vida útil.
3 - Faça a manutenção preventiva do Sistema de Arrefecimento - O radiador do seu carro também resfria a transmissão. Se o sistema não estiver em perfeito estado de funcionamento, o calor começará a danificar a transmissão muito antes de o motor sofrer superaquecimento. Assim, uma revisão periódica no sistema de arrefecimento pode ajudar a sua transmissão manter a temperatura ideal de trabalho, e durar mais tempo.
4. Realize serviços de manutenção preventiva na transmissão - Com o tempo os líquidos de transmissão automática podem oxidar e experimentar algo chamado tesoura. Quando isso acontece, as embreagens de transmissão começam a escorregar. Esse deslize cria atrito que, por sua vez, cria calor. A troca do fluido da transmissão dentro do prazo especifico no manual do fabricante pode evitar o deslizamento causado pelo cisalhamento e manter sua transmissão funcionando adequadamente por anos.
   ***Fique muito atento, pois alguns manuais não são editados para os veículos que rodam em países com clima tropical. Portanto alguns manuais não especifica a troca do fluído do câmbio automático, mas isso não significa que seu câmbio não necessita a troca.
   ***A recomendação dos profissionais Técnicos do Grupo C.A.B., é realizar a troca entre 50 e 80 mil km ou 4 anos, dependendo do sistema de transmissão.
5. Adicionar um Resfriador de Transmissão (radiador externo) - Se você viaja muito em temperaturas extremamente altas, em terrenos montanhosos ou carrega muito peso em seu carro, um resfriador de transmissão auxiliar é uma ótima maneira de reduzir o calor e acrescentar anos à vida da sua transmissão.

Um Reparador local cadastrado em nosso site pode ajudá-lo a encontrar o cooler auxiliar adequado para o seu carro e instalá-lo corretamente para você.